Colabore com o blogue

A partilha de informações e novidades são uma óptima forma de conhecermos melhor o local onde vivemos. Se tiver interesse em colaborar com o blogue, por favor envie as suas mensagens para o nosso contacto.
Para conseguirmos ter o que comprámos, é dever de todos os vizinhos zelar pelo cumprimento do plano de urbanização do Casal de Vila Chã e a correcção de erros já detectados.

Acompanhe os comentários a Promessas por cumprir.

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Automóveis incendiados

De acordo com o blogue Serra das Brancas, nas últimas semanas o vandalismo passou a ter outras dimensões com o incendiar indiscriminado de três automóveis. Segundo o relato de uma moradora da urbanização vizinha, dois desses automóveis são de Vila Chã, o terceiro é de um morador da Serra das Brancas e encontrava-se abandonado na avenida que liga as duas urbanizações, a Avenida Laura Ayres.




Mais informações em Carro incendiado

7 comentários:

Paulo disse...

Infelizmente esta situação só vem mostrar, cada vez mais, a necessidade de ter um comissão que, com outras ou não, possa manifestar as preocupações junto das respectivas entidades. A realidade é que de uma forma individual não temos força, talvez como associação se possa pressionar quem de direito.

Seria bom termos o resumo de como correu o encontro com o candidato e de como a eventual comissão poderia ou não ter influência nestas situações.

Anónimo disse...

Permitam-me fazer uma pergunta.
Ao Paulo e a todos os restantes:
Que contributo já deram ao projecto da comissão de moradores, para estarem a exigir seja o que for desta?
E Sábado? Quem lá esteve? Tinha sido a melhor resposta às dúvidas que agora levantam.
Sem associados, sócios, ou outro tipo de corpos associativos, a "comissão" não tem que prestar informações públicas.
Consciencializem-se.
Organizem-se.
Disponibilizem-se.

É lamentável que desde 2007 se fale nisto. E nada fizeram.

Só sabem perguntar o que os outros fizeram.

É muito mais fácil! E cómodo! Não é?

Paulo disse...

Caro Anónimo

Responde pela organização da comissão?

Se sim, tem todo o direito de se indignar, no entanto também tem a obrigação de dizer claramente o resultado da mesma em especial se o resultado for a não presença dos interessados, ou estamos a falar de uma "comissão de só alguns moradores de vila chã"?. Ou seja seria mais útil ter uma atitude pro-activo em vez de fazer "birras" até porque de certeza que para além das pessoas que não quiseram ir também houve as que não puderam e mesmo as que não souberam, a futura comissão não irá representar também essas pessoas?

No entanto o meu pedido não é mais do que isso, nunca uma exigência, apenas o interesse de alguém que não conseguiu estar presente ( o porquê não o vou discutir )e gostava de saber se efectivamente tinha havido encontro e se houve ou não desinteresse das pessoas, porque ainda não houve ninguém a dize-lo claramente

Vanda disse...

O mais grave é que ao fim de 2 dias de o carro estar enfiado na horta de alguém, telefonei para a policia e ninguém sabia de nada!!

Apesar disso, sei que um carro da PSP ja esteve no local (de passagem) e nada fez.

Criar uma comissão de moradores é importante, mas mais importante era a policia fazer o devido patrulhamento de áreas que sebem, á partida, são problemáticas. E não estou a falar de 1 carro 2x por dia como os comprimidos, mas sim 1 carro com bastante regularidade.

Vanda disse...

Foram rápidos..ainda à pouco passei por vocês a tirar fotos.

Anónimo disse...

Quando no inicio deste blog alertei para a criminalidade desta zona o responsavel pelo blog não gostou.
alertei dos modos de fuga do meliantes.
alertei os novos moradores de vila chã para o cuidado de andar a noite na zona.
alertei que a policia faz o que pode e que não tem autorização para entrar no bairro por este lado.
etc.
aconselhei para que nem que fosse um risco no carro participarem a policia,pois só com um nº elevado de queixas é que podem ser reforçadas as forças de segurança.
etc
infelizmente já estão a viver o dia a dia

Anónimo disse...

Caro Paulo,

Não respondo de forma alguma pela Comissão.

Respondo por mim, porque estive lá, e não me recordo de o ter conhecido.

Não culpabilizo nunca a indisponibilidade de ninguém. Prioridades são prioridades. Uma delas é a família, a outra o trabalho, e outras há que não dependem de nós. Aliás, dependem da cabeça e necessidades de cada um.

Mas como disse, não vamos discutir disponibilidades. Não iremos a lado nenhum.

O que interessa é a defesa dos nossos interesses, como um todo, como moradores. Como Comissão.

Eu sou um dos que se disponibilizou para fazer parte dessa comissão no passado sábado.

Mas estou certo que na próxima oportunidade o Paulo não faltará, ou até mesmo já tenha entrado em contacto com os "promotores" da comissão.

A única coisa que anseio, é o mesmo marasmo e pacatez que se verifica nos moradores desta urbanização já deste 2007. Na qual eu também me incluia.

Cumprimentos a todos.