Colabore com o blogue

A partilha de informações e novidades são uma óptima forma de conhecermos melhor o local onde vivemos. Se tiver interesse em colaborar com o blogue, por favor envie as suas mensagens para o nosso contacto.
Para conseguirmos ter o que comprámos, é dever de todos os vizinhos zelar pelo cumprimento do plano de urbanização do Casal de Vila Chã e a correcção de erros já detectados.

Acompanhe os comentários a Promessas por cumprir.

segunda-feira, 17 de setembro de 2007

As carreiras 26 e 135 (Vimeca) ainda sem data em Vila Chã

Ainda não há data prevista para o início da circulação das carreiras 26 e 135 (Vimeca) em Vila Chã.
Torno público os e-mails que provam que a Câmara Municipal da Amadora, por lapso ou marketing político, não divulgou correctamente esta informação do máximo interesse dos residentes das urbanizações de Vila Chã e Serra das Brancas.

"Dia Actividade Hora (...)17 – Segunda-feira Implementação do prolongamento das carreiras Nº 26 e Nº 135 (Vimeca) às Urbanizações de Vila Chã e Serra das Brancas.(...)"

Mais informações em:
European Mobility Week
Jornal da Região

_______
Data: 16-09-2007

Sou morador em Vila Chã (Amadora) e gostaria de saber quais são os novos percuros/horários das carreiras 26 e 135 a partir do dia 17-09-2007.
Obrigado.


_______
Resposta da Vimeca, 17-09-2007:

Prezado senhor,

Acusamos a recepção do seu mail cujo conteúdo mereceu a nossa melhor atenção.

Reportando-nos ao teor do mesmo confirmamos que a nossa empresa irá servir a urbanização de Vila Chã com essas 2 carreiras, no entanto não confirmamos esta data.

Oportunamente quando estiverem reunidas todas as condições para dar ínicio às alterações de percurso destas 2 carreiras procederemos à divulgação dessa mesma informação.

Sem outro assunto para o momento, apresentamos os nossos melhores cumprimentos,

Sara Santos Sacadura
Planeamento e Produção
Técnica
Telf.: 21 097 47 00
Fax: 21 435 28 02
www.vimeca.pt

1 comentário:

Paulo Costa disse...

Provavelmente por questões comerciais e de custos aguardam que a urbanização esteja mais habitada e a deslocação dessas carreiras se justifique em pleno.